Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

COMUNICAR E ENVOLVER

Uma oficina livre de comunicação global, nas mais diversas áreas, gerida por António Veríssimo.

COMUNICAR E ENVOLVER

Uma oficina livre de comunicação global, nas mais diversas áreas, gerida por António Veríssimo.

14
Mai18

PCP quer rastrear e recuperar dinheiro usado em créditos à banca que lesaram o Estado

antónio veríssimo

O PCP quer rastrear e recuperar dinheiro utilizado em créditos lesivos da banca. Neste sentido, os comunistas entregaram hoje à Assembleia da República dois projetos lei para que até ao final da semana sejam discutidos, porventura na quinta-feira. 

O deputado comunista Miguel Tiago explicou, em declarações à agência Lusa, que o objetivo dos dois projetos são o de identificar os "créditos perdoados, incobráveis que tenham sido compensados com fundos públicos", como foi o caso do BES, Banif e BPN. 

Os comunistas querem também que os beneficiários destes créditos sejam chamados a "participar nas perdas dos bancos" por os contribuintes terem pago "muitos milhares de milhões de euros para saldar buracos financeiros que estavam nesses bancos". "Agora, é preciso saber quem ficou com o dinheiro e quem enriqueceu com esse dinheiro", disse o deputado, acrescentando que "importa recuperar tudo o que é possível recuperar".

Contrariando a ideia de que todas as pessoas que contraíram créditos serão identificadas com estes projectos, o deputado garantiu que apenas serão visadas as pessoas e entidades que contraíram créditos e que tenham sido incobráveis ou perdiso e "não todas as pessoas". Os projetos lei terão apenas impacto nos bancos intervencionados pelo Estado, recebendo dinheiros públicos. 

Os comunistas não têm "grandes expectativas" quanto ao posicionamento do PS na votação plenária, pois o partido tem-se mantido ao lado da direita nas votações sobre estas temáticas, disse Miguel Tiago. 

JORNAL I

MIGUEL TIAGO